Histórico data de 13 de julho de 1739 a carta que conferiu o sítio Boa Esperança ao português Miguel Carvalho e Silva, que aí fixou residência e constituiu numerosa família. Outro português, João Antônio dos Santos, possuidor da Fazenda Urubu, construiu casas e currais em local próximo ao mencionado sítio, dando à localidade o nome de Retiro. 

Originou-se daí o nome de Retiro da Boa Esperança. O pai de João Antônio dos Santos, possuidor de vários escravos, construiu três tanques de pedra do urubu, à margem do rio Longá, solicitando aos filhos que não os incluíssem no seu inventário e sim, ficassem como bem comum. O local, pela qualidade do solo, atraiu moradores, dedicados à lavoura e à criação de ovelhas. Em 1847, foi concluída a construção da Capela de Nossa Senhora da Boa Esperança, onde, após sua demolição, se edificou uma Igreja. Retiro de Boa Esperança passou a chamar-se Boa Esperança, em 1920, quando adquiriu categoria de Vila, instalada no mesmo ano com patrimônio de subscrição pública. Em 1943, por haver duplicidade de topônimos, Boa Esperança foi mudado para Esperantina.

Gentílico: esperantinense 

Formação Administrativa :

Elevado à categoria de vila a denominação de Retiro da Boa Esperança, pela lei estadual nº 970, de 25-06-1920. Pelo decreto estadual nº 1279, de 26-06-1931, a vila de Boa Esperança ex-Retiro da Boa Esperança é extinto, sendo seu território anexado ao município de Barras do Marataoan. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, 

Boa Esperança figura como simples distrito de Barras do Marataoan. Pelo decreto estadual nº 1575, de 17-08-1934, desmembra do município de Barras ex-Barras do Marataoan, o distrito de Boa Espeança. Elevado novamente à categoria de município. 

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o município é constituído do distrito sede. Pelo decreto estadual nº 754, de 30-12-1943, o município de Boa Esperança passou a denominar-se Esperantina. Em divisão territorial datada de 01-VII-1960, o município já denominado Esperantina é constituído do distrito sede. 

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005. Alteração toponímica municipal Boa Esperança para Esperantina alterado, pelo decreto-lei estadual nº 754, de 30-12-1943. 




entre em contato

PREFEITURA DE ESPERANTINA Terra que amamos

Rua Vereador Ramos, 746, Centro, Esperantina/PI  CEP 64180-000
Telefones: (86) 3383-1538